Autoridades discutem cerco ao uso da linha chilena

     As autoridades municipais estiveram reunidas nesse meio de semana no Ministério Público da Infância e Juventude, expondo as situações de perigo e buscando formas de atuação para combater o uso indiscriminado da linha chilena em soltura de pipas. É uma prática proibida e que pode ser fatal, dado a sua letalidade, muito mais impactante do que a linha de cerol.

     A Guarda Civil Municipal, com o seu inspetor José Antônio Pimenta, esteve presente observando que essa é uma preocupação que vem de anos anteriores e aumenta no período em que são comuns a presença das crianças soltando pipas. A legislação é enfática, através da Lei 8.799 deste ano, quanto as restrições e prevê punições para quem for flagrado utilizando esse tipo de material e os comerciantes que vendem.

    Estiveram presentes também além da Prefeitura e do promotor Anderson Castro, representantes da Polícia Militar, do Conselho Tutelar e da Câmara Municipal. A Guarda Civil em suas diligências rotineiras está sempre atenta e situações que estejam em desacordo com a legislação, no tocante a essas práticas, mas os esforços de agora passarão a ser redobrados. Um outro objetivo é de conscientizar os pais e comerciantes a também fazerem sua parte e aquela pessoa que identificar situações assim (alguém soltando pipa com cerol ou linha chilena), deve acionar de imediato a Polícia Militar (190) ou a Guarda Civil (3724-1033).

Prefeitura Municipal de Franca

Todos juntos, governo e população, seguindo em frente Compartilhando e Avançando de bem com Franca.
logo ipv6br fundo transparente facehost

Contato

  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
 (16)3711-9000
 Rua Frederico Moura, 1.517 - Cidade Nova - Franca/SP - Cep: 14401-150 CNPJ:47.970.769/0001-04 - I.E: isento

Redes Sociais