Logomarca


Vigilância Ambiental Imprimir E-mail
Google BookmarkTwitterFacebook

Logo_da_Vigilncia_AmbientaA incorporação da Vigilância Ambiental no campo das políticas públicas de saúde é uma demanda relativamente recente no Brasil. Sua implantação significou um avanço fundamental nas ações de promoção e proteção à saúde da população brasileira, por meio do monitoramento e do controle de uma variedade de problemas decorrentes do desequilíbrio do meio ambiente, visando eliminar ou reduzir a exposição humana a fatores ambientais prejudiciais à saúde.

Por definição a Vigilância Ambiental em Saúde é um conjunto de ações que proporciona o conhecimento e a detecção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes do meio ambiente que interferem na saúde humana, com a finalidade de identificar as medidas de prevenção e controle dos fatores de risco ambientais relacionados às doenças ou outros agravos à saúde.

A Vigilância Ambiental tem como objetivo, prevenir e controlar os fatores de risco de doenças e de outros agravos à saúde, decorrentes do ambiente e das atividades produtivas. Estende sua atuação sobre fatores biológicos representados por vetores, hospedeiros, reservatórios e animais peçonhentos, bem como fatores não biológicos como a água, o ar, o solo, contaminantes ambientais, desastres naturais e acidentes com produtos perigosos.

Esse novo campo de atuação do setor saúde carece ainda de instrumentos de avaliação e controle. Entre as metodologias propostas para a vigilância ambiental em saúde destaca-se o papel do mapeamento e da avaliação de riscos, bem como a incorporação da abordagem epidemiológica para questões ambientais. O modelo conceitual da vigilância das situações de risco é baseado no entendimento que as questões pertinentes às relações entre saúde e ambiente são integrantes de sistemas complexos, exigindo abordagens e articulações interdisciplinares e transdisciplinares, palavras de ordem da promoção da saúde.

 

Atribuição

- Coordenar a equipe de controle de zoonoses, mensurando e avaliando as demandas, com o objetivo de elaborar e estabelecer programas e projetos que visem executar medidas atuantes no sentido de controlar as zoonoses e situações agravantes ao meio ambiente.

- Coordenar a equipe de controle de vetores, mensurando e avaliando as demandas, com o objetivo de elaborar e estabelecer programas e projetos que visem executar medidas atuantes no sentido de controlar as doenças transmitidas por vetores.

- Promover periodicamente a campanha de vacinação animal ou casos locais ou pontuais em qualquer época do ano.

- Orientar a população diretamente afetada quando necessário, em casos de ataques de animais agressivos.

- Ministrar cursos e palestras para a comunidade em geral e agentes de saúde, em reciclagem.

- Fiscalizar estábulos, coheiras, granjas, avícolas, chiqueiros, pocilgas e estabelecimentos congêneres.

- Assessorar as unidades da Secretaria Municipal de Saúde nas questões que envolvam a Vigilância Ambiental.

- Orientar, divulgar ou informar à população, por meio de todos os meios de comunicação disponíveis, em casos de necessidade, as diretrizes e condutas à serem tomadas sobre assuntos em Vigilância Ambiental.

- Orientar e auxiliar a Defesa Civil nas necessidades técnicas atinentes à Vigilância Ambiental nos casos de catástrofes ou calamidades publicas.

- Executar os serviços de vigilância constante de controle de pragas urbanas, tais como escorpião, ratos, baratas, etc., promovendo inclusive orientações a população sobre as medidas de saneamento, visando a prevenção de infestação.

- Promover a vigilância da água, do solo, do ar, dos contaminantes ambientais, dos desastres naturais e dos acidentes com produtos perigosos.

 

Atividades que executam

- Coordenação dos serviços prestados no Canil Municipal;

- Serviço de captura animal de grande e pequeno porte;

- Monitoramento do vírus rábico com envio de material ao Instituto Pasteur;

- Monitoramento de cavernas de morcego hematófago;

- Monitoramento de animais agressores;

- Campanha de Vacinação Antirabica animal;

- Controle de Natalidade de Cães e Gatos através da esterilização;

- Fiscalização de Terrenos Baldios;

- Controle de vetores com atividades casa-casa, bloqueio de suspeitos, visitas a pontos estratégicos e a imóveis especiais;

- Reclamações sobre pragas urbanas, animais peçonhentos, animais sinantropicos e sanidade ambiental;

- Monitoramento da qualidade da água para o consumo humano;

- Monitoramento das áreas de solo contaminado;

- Monitoramento do ar;

- Monitoramento de desastres naturais;

- Monitoramento de acidentes com produtos perigosos;

- Atividades educativas – palestras, jogos interativos, visita premiada, viva o parque, certificação do agente mirim.


ENDEREÇO E TELEFONE PARA CONTATO

Av. Dr. Flávio Rocha n° 4780

Fones: 3711 – 9408

              3711 – 9402

 

 

© 2014 Prefeitura Municipal de Franca - São Paulo/Brasil
R. Frederico Moura n° 1517, Cidade Nova - Franca/SP, CEP: 14401-150
Fone: (16) 3711-9000, CNPJ: 47.970.769/0001-04/I.E.: Isento.
Desenvolvido pela Divisão de Tecnologia da Informação - Prefeitura de Franca.
Problemas na página, mande um e-mail para: informatica@franca.sp.gov.br.